ATRIZ DE FILME PORNÔ QUE CONTRACENOU COM UM CAVALO, DIZ NÃO VOTAR EM BOLSONARO PARA NÃO DÁ DESGOSTO AOS PAIS


Na manhã do dia (03) de Março a atriz pornô Mônica Mattos postou uma declaração no Twitter afirmando que não votaria em Bolsonaro porque não "daria esse desgosto a seus pais".

O Instituto Vertude realizou recentemente uma pesquisa que aponta o deputado Jair Bolsonaro como líder isolado nas pesquisas para a eleição presidencial de 2018, O pré-candidato aparece com 34,05% de intenções de votos.

A pesquisa realizada por telefone com 6370 pessoas em todo o território nacional coloca o ex-presidente Lula em segundo lugar, Lula com 27,40% dos votos. Tecnicamente, Bolsonaro já está no segundo turno das eleições, enquanto Lula terá que disputar a segunda vaca com Marina Silva, Geraldo Alckmin e Ciro Gomes, que dividem 35% da preferência do eleitorado.

Como Lula é o pré-candidato com maior rejeição, a possibilidade de ser demolido durante os debates é grande, tendo em vista o preparo de Bolsonaro, rápido e mortal em suas respostas. Isso se o petista conseguir registrar sua candidatura. Lula corre o sério risco de se tornar inelegível antes de agosto de 2018, caso seja condenado no julgamento do TRF-4 na Segunda Instância.

Analistas apontam para um cenário mas provável de disputa entre Geraldo Alckmin e Bolsonaro no segundo turno das eleições presidenciais.

Inconformada com comentários de seguidores e internautas a atriz disparou: "eu nunca votaria em um sujeito desses, não daria esse desgosto a meus pais".

Mônica Mattos foi uma das atrizes do mais influentes do país no ramo dos filmes adultos, tendo realizado em torno de 300 filmes adultos por diversas produtoras nacionais e internacionais ao longo dos dez anos da carreira encerrada em 2013. Seu comentário vem causando polêmica nas redes sociais.
Compartilhe no Google Plus

Sobre Manoel Martins

Sou Casado, pai de 3 filhos, apaixonado pela minha família e pela minha querida cidade Jaguaruana... Jaguaruana Verdade, Porque Mentira tem Pernas Curtas!

0 comentários:

Postar um comentário