Professora é retirada de sala de aula e assassinada no interior do Rio Grande do Sul

O corpo da professora foi encontrado no banheiro
(Foto: Reprodução Facebook) 

A professora aposentada Elaine Maria Tretto, de 51 anos, foi morta por estrangulamento após ser retirada à força de sua sala de aula na noite desta quinta-feira, 31, no Rio Grande do Sul.

Elaine era pedadoga e, atualmente, lecionava aulas de catequese para adultos da comunidade, em uma capela, no município gaúcho de Estância Velha, a 50 quilômetros de Porto Alegre.

Sobre o assunto

Dois homens que usavam capacetes invadiram a sala de aula por volta das 19 horas e levaram a aposentada até um banheiro, onde a espancaram e a assassinaram. Segundo informações da Brigada Militar local, um terceiro homem teria mantido três alunas reféns na sala de aula enquanto acontecia o crime.

Após o assassinato, a capela Nossa Senhora Auxiliadora foi isolada e a perícia trabalha no local desde a última madrugada. Os acusados ainda não foram identificados e não se sabe, até o momento, o que possa ter motivado o crime.

Esse é o terceiro caso de violência contra professores a ganhar repercussão no País em menos de um mês.

Redação O POVO Online
Compartilhe no Google Plus

Sobre Manoel Martins

Sou Casado, pai de 3 filhos, apaixonado pela minha família e pela minha querida cidade Jaguaruana... Jaguaruana Verdade, Porque Mentira tem Pernas Curtas!

0 comentários:

Postar um comentário